Como Faço Para Seguir a JESUS

 

COMO FAÇO PARA SEGUIR A JESUS

 

"E Jesus, olhando para ele, o amou e lhe disse: Falta-te uma coisa: vai, vende tudo quanto tens, e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, toma a cruz, e segue-me." (Marcos 10:21)

A história deste homem é marcante. Uma pessoa íntegra, que cumpria todos os seus compromissos religiosos. No que podia ser visto pelos homens, seu proceder era perfeito, mas, apesar de seu bom procedimento, não tinha certeza da salvação.

Jesus inicia seu contato com ele afirmando que só Deus é bom e, de certa forma alimentando o seu ego, o evangelista registra que Jesus ao fitá-lo o amou e, só então é que o coloca em ‘xeque’ ao afirmar que só uma coisa lhe faltava.

Se víssemos somente esta cena poderíamos tirar várias lições:

 

  • Que as obras e nosso bom procedimento não são suficientes para a salvação;
  • A necessidade de abrir mão de tudo o que esteja ocupando o lugar de Deus em nosso coração;
  • A necessidade de ter um tesouro no céu (que só é comprado pelo sangue de Cristo);
  • E a necessidade de seguir a Jesus.


Estas são lições preciosíssimas, mas se olharmos para Jesus e suas atitudes registradas no texto, veremos que nesse diálogo Ele demonstrou sua humildade - "E Jesus lhe disse: Por que me chamas bom? Ninguém há bom senão um, que é Deus." (Marcos 10:18) e, nos versículos anteriores disse que aquele que não receber o reino de Deus como menino, de maneira nenhuma entrará nele.

"... E traziam-lhe meninos para que lhes tocasse, mas os discípulos repreendiam aos que lhos traziam. Jesus, porém, vendo isto, indignou-se, e disse-lhes: Deixai vir os meninos a mim, e não os impeçais; porque dos tais é o reino de Deus. Em verdade vos digo que qualquer que não receber o reino de Deus como menino, de maneira nenhuma entrará nele. E, tomando-os nos seus braços, e impondo-lhes as mãos, os abençoou." (Marcos 10:12-16)

Jesus afirma que o esvaziamento/renúncia é sacrificial e que aos homens é impossível, mas para Deus tudo é possível.

Ao que Pedro disse que eles tinham deixado tudo para seguir a Jesus ao que respondeu: “E Jesus, respondendo, disse: Em verdade vos digo que ninguém há, que tenha deixado casa, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, ou mulher, ou filhos, ou campos, por amor de mim e do Evangelho, que não receba cem vezes tanto, já neste tempo, em casas, e irmãos, e irmãs, e mães, e filhos, e campos, com perseguições; e no século futuro a vida eterna.” (Marcos 10:29-30)

Ele estava mostrando que, mesmo que o homem abra mão de tudo, Deus sempre lhe dará recompensas terrestres, e que o sacrifício que o homem possa fazer pelo Evangelho tem a sua paga, e que só Deus é que faz o verdadeiro sacrifício:

"Dizendo: Eis que nós subimos a Jerusalém, e o Filho do homem será entregue aos príncipes dos sacerdotes, e aos escribas, e o condenarão à morte, e o entregarão aos gentios. E o escarnecerão, e açoitarão, e cuspirão nele, e o matarão; e, ao terceiro dia, ressuscitará." (Marcos 10:33-34)

Uma outra lição que podemos tirar das atitudes de Jesus, manifestado em seu diálogo com os irmãos João e Tiago, é a confiança na soberania de Deus.

Notem: “Mas, o assentar-se à minha direita, ou à minha esquerda, não me pertence a mim concedê-lo, mas isso é para aqueles a quem está reservado.” (Marcos 10:40) 

Jesus afirma a eleição eterna de Deus e deixa claro que não pode ser mudada, pois já foi definida na eternidade.

O que está faltando à você: HUMILDADE, Renúncia ou Confiança no desígnio de Deus?

Ache a resposta em sua vida e procure sanar tal falta obedecendo ao mandato de Jesus para ter um tesouro no céu e, então, siga o Nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo, no real sentido de seguir os Seus passos.

É em Jesus Cristo, que nós encontramos o maior exemplo de pastor nas escrituras.

A Bíblia nos ensina que Ele é:

1) O Supremo Pastor: "E, quando aparecer o Sumo Pastor, alcançareis a incorruptível coroa da glória." (1 Pedro 5:4)

2) O Bom Pastor: "Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas. Mas o mercenário, e o que não é pastor, de quem não são as ovelhas, vê vir o lobo, e deixa as ovelhas, e foge; e o lobo as arrebata e dispersa as ovelhas. Ora, o mercenário foge, porque é mercenário, e não tem cuidado das ovelhas. Eu sou o bom Pastor, e conheço as minhas ovelhas, e das minhas sou conhecido. Assim como o Pai me conhece a mim, também eu conheço o Pai, e dou a minha vida pelas ovelhas." (João 10:11-15)

3) O Grande Pastor: "E ele permanecerá, e apascentará ao povo na força do SENHOR, na excelência do nome do SENHOR seu Deus; e eles permanecerão, porque agora será engrandecido até aos fins da terra." (Miquéias 5:4)

"Ora, o Deus de paz, que pelo sangue da aliança eterna tornou a trazer dos mortos a nosso Senhor Jesus Cristo, grande pastor das ovelhas." (Hebreus 13:20)

 

  • Ele conhece as suas ovelhas: - "Eu sou o bom Pastor, e conheço as minhas ovelhas, e das minhas sou conhecido." (João 10:14); - "As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem." (João 10:27)
  • Ele as chama pelo nome: - "A este o porteiro abre, e as ovelhas ouvem a sua voz, e chama pelo nome às suas ovelhas, e as traz para fora." (João 10:3)
  • Ele as guia: - "Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome." (Salmos 23:3)
  • Ele as alimenta: - "Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens." (João 10:9)
  • Ele as protege, preserva e lhes dá a vida eterna: - "E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão." (João 10:28)

 

Número de visualizações 18548

arrow_upward
Pedido de Oração