Aquilo que Nós Somos no Nosso Interior Manifesta-se no Nosso Exterior

 

AQUILO QUE NÓS SOMOS NO NOSSO INTERIOR MANIFESTA-SE NO NOSSO EXTERIOR

 

“De boas palavras transborda o meu coração. Ao Rei consagro o que compus; a minha língua é como a pena de habilidoso escritor. Tu és o mais formoso dos filhos dos homens; nos teus lábios se extravasou a graça; por isso, Deus te abençoou para sempre.” (Salmos 45:1-2)

Aquilo que nós somos no nosso interior manifesta-se no nosso exterior, revela o nosso caráter.

Se fizermos uma analise na palavra de Deus para sabermos qual é o caráter que nós devemos ter, segundo o propósito de Deus, iremos chegar a conclusão de que Deus quer que sejamos iguais ao seu Filho Jesus, ou seja, que nós tenhamos o mesmo caráter do Filho de Deus, e que sejamos perfeitos como o nosso Pai é perfeito.

“É impossível cumprirmos o propósito de Deus se o nosso caráter não manifestar as qualidades do caráter de Jesus.”

É por isso que a palavra de Deus diz que precisamos crescer até chegarmos à medida da estatura da plenitude de Cristo: "Até que todos cheguemos à unidade da fé e do pleno conhecimento do Filho de Deus, ao estado de homem feito, à medida da estatura da plenitude de Cristo." (Efésios 4:13)

A restauração que Deus quer realizar na vida do homem é formar nele o caráter de Jesus:

“Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos.” (Romanos 8:29)

SER A IMAGEM DE JESUS É TER EM NÓS TODAS AS VIRTUDES DO SEU CARÁTER.

A descrição do caráter de Jesus está na primeira parte do novo testamento em Mateus capítulo 5 verso do 3 ao 12:

"Bem-aventurados os humildes de espírito, porque deles é o reino dos céus.

Bem-aventurados os que choram, porque eles serão consolados.

Bem-aventurados os mansos, porque eles herdarão a terra.

Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça porque eles serão fartos.

Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia.

Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus.

Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus.

Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus.

Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguiram e, mentindo, disserem todo mal contra vós por minha causa. Alegrai-vos e exultai, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram aos profetas que foram antes de vós."

Aquilo que simplesmente chamamos de bem-aventuranças, ou o sermão da montanha. O sermão da montanha que inclui também os capítulos 5, 6 e 7 de Mateus, segundo os estudiosos, é a primeira parte escrita dos evangelhos e era a base que a igreja do primeiro século usava para doutrinar os seus discípulos.

BEM-AVENTURADOS: significa> mais que felizes – afortunados – alegria do céu.

A felicidade não é o alvo das nossas vidas: A felicidade é uma conseqüência de sermos como Deus quer que sejamos e de fazermos a Sua vontade.

Neste capítulo onde aprendemos sobre as bem-aventuranças, existe um verbo em oculto que é o verbo SER. Este verbo torna-se claro quando dizemos:

 

  • “Bem-aventurados os que são humildes.”
  • “Bem-aventurados os que são mansos.”
  • “Bem-aventurados os que são misericordiosos.”


Justamente o nosso caráter é aquilo que nós somos e que determina a nossa maneira de ser e de agir.

Na realidade, estas bem-aventuranças, são a descrição das virtudes do caráter de Jesus, e isto é o que Deus quer formar em cada um de nós. Tudo o que Jesus ensinava, era a Sua maneira de ser e de agir.

Como homem Jesus foi: humilde, quebrantado, manso, justo, misericordioso, limpo de coração, pacificador, sempre alegre mesmo quando injuriado e perseguido por causa da justiça.

TODAS ESTAS VIRTUDES DO CARÁTER DE JESUS SÃO ATITUDES DO CORAÇÃO

“Tende em vós o mesmo sentimento (mesma atitude do coração) que houve também em Cristo Jesus, pois ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus.” (Filipenses 2:5)

Mas existem duas qualidades do caráter de Jesus, que precisamos aprender e praticar, pois estas duas qualidades são fundamentais no início da nossa formação.

As duas virtudes fundamentais para a formação do nosso caráter:

As duas maiores virtudes do caráter de um discípulo de Jesus são: A humildade e a mansidão que são também duas atitudes do coração. Disse Jesus:

“Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma.” (Mateus 11:29)

“Rogo-vos, pois, eu, o prisioneiro no Senhor, que andeis de modo digno da vocação a que fostes chamados, com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor, esforçando-vos diligentemente por preservar a unidade do Espírito no vínculo da paz.” (Eésios 4:1-3)

SER COMO JESUS É SER HUMILDE NO AGIR E MANSO NO REAGIR

 

  • A HUMILDADE é o contrário do orgulho ou soberba.
  • A MANSIDÃO é o contrário da rebeldia.


A conseqüência do orgulho ou soberba do homem (INDEPENDÊNCIA), foi à rebelião contra Deus.

1- A humildade: “Bem-aventurados os humildes (pobres) de espírito, porque deles é o reino dos céus.” (Mateus 5:3)

A humildade é a primeira qualidade de caráter que Jesus nos ensinou em Mateus 5. Os humildes (pobres) de espírito, são aqueles que estão conscientes de que eles não são nada e que não têm nada.

A HUMILDADE DE CORAÇÃO É O FUNDAMENTO PARA A CONSTRUÇÃO E FORMAÇÃO DO NOSSO CARÁTER

Assim como que para construirmos uma casa precisamos escolher um fundamento seguro: "Todo aquele, pois, que ouve estas minhas palavras e as põe em prática, será comparado a um homem prudente, que edificou a casa sobre a rocha." (Mateus 7:24)

Também a humildade é a maior segurança que temos para iniciarmos a formação das nossas vidas.

A humildade é a primeira qualidade mais lógica e mais natural a nossa condição humana:

Todo ser humano deveria reconhecer naturalmente aquilo que ele é: Precisamos compreender que Deus nos formou do pó da terra e tudo o que temos é uma dádiva ou graça que Ele nos deu. Não há nada em nós mesmos pela nossa própria virtude.

O contrário da HUMILDADE é o ORGULHO ou soberba: O pecado iniciou com o orgulho!

O orgulho trouxe como conseqüência a rebelião contra Deus. O orgulho é também a independência de Deus.

Ser independente é querer ser o seu próprio deus e governar a sua própria vida. Exemplos:

Lúcifer (diabo): O orgulho partiu do coração deste anjo que se rebelou contra Deus. Ele desejou ser deus e governar a sua vida e a vida dos outros.

Adão e Eva: Eles declararam a sua independência ao comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal a qual Deus ordenou para que não comessem.

O rei de Tiro em Ezequiel 28, por ter prosperado no seu reino, declarou a sua independência dizendo: “Eu sou deus”. Deus o comparou como sendo o próprio satanás.

O orgulho, a soberba, a vaidade, a arrogância, a auto-suficiência e a estupidez, no entanto, é a característica mais notável e que mais se sobressai na vida dos homens.

Algumas características que são evidentes na vida de uma pessoa orgulhoso:

O orgulhoso despreza as pessoas, critica, engana, briga, discute, é sábio aos seus próprios olhos, quando erra ou ofende as pessoas não pede perdão, quer sempre ter a razão, é inflexível com as pessoas, não sabe perder, fala muito e ouve pouco, é duro com as pessoas, monopoliza a conversação, ele mente, esconde seus defeitos, é hipócrita e, em resumo disso tudo, é uma pessoa de difícil convivência.

Todos os filhos de Adão são orgulhosos e independentes: Esta é a natureza do homem após a queda. Adão passou a gerar filhos conforme a sua semelhança e imagem:

"Adão viveu cento e trinta anos, e gerou um filho à sua semelhança, conforme a sua imagem, e pôs-lhe o nome de Sete." (Gênesis 5:3)

Existe somente uma saída para o orgulhoso: O orgulhoso deve humilhar-se e arrepender-se da sua independência de Deus.

A primeira condição para se humilhar, é reconhecer que tudo aquilo que temos e que somos é uma dádiva de Deus.

Jesus disse: “Todo aquele que se humilhar será exaltado.”

O orgulhoso e independente, pode se humilhar e ser transformado a imagem de Jesus.

2- A mansidão: “Bem-aventurados os mansos, porque herdarão a terra.” (Mateus 5:5)

Ser manso é o contrário de ser rebelde. Os mansos não têm nenhuma dificuldade de obedecer, eles obedecem com muita paz e alegria, eles são submissos, pacientes e têm domínio próprio.

A mansidão não é falar de forma mansa e suave. A mansidão é ter uma vida de submissão e obediência a Deus e a Sua palavra, sendo também submisso aos seus irmãos e as autoridades.

Os filhos mansos obedecem a seus pais, a esposa mansa se sujeita ao seu marido, o marido manso ama a sua esposa, o discípulo manso se submete aos seus discipuladores.

Dois aspectos da rebeldia:

  • A rebeldia violenta: manifesta-se com gritos, brigas, discussões.
  • A rebeldia silenciosa: é silenciosa, porém, faz a sua própria vontade.


Aquele que é manso também aceita com muita paz as provações e situações difíceis na sua vida. Exemplo de Jesus:

“Porquanto para isto mesmo fostes chamados, pois que também Cristo sofreu em vosso lugar, deixando-vos exemplo para seguirdes os seus passos, o qual não cometeu pecado, nem dolo algum se achou em sua boca; pois ele, quando ultrajado, não revidava com ultraje; quando maltratado, não fazia ameaças, mas entregava-se àquele que julga retamente.” (1 Pedro 2:21-23)

As virtudes de caráter que o Espírito Santo produz em nós:

“Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que crêem no Seu nome: os quais não nasceram do sangue nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.” (João 1:12)

Através da nova vida que recebemos em Cristo Jesus, tendo passado pela experiência do novo nascimento, recebemos também a capacitação sobrenatural do Espírito Santo, para manifestarmos todas as virtudes do caráter de Jesus, que é o fruto do Espírito.

 “Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio.” (Gálatas 5:22)

No amor de Jesus.
 

Número de visualizações 26428

arrow_upward
Pedido de Oração