A Paz Divina No Coração

 

A PAZ DIVINA NO CORAÇÃO

 

“E meu Deus suprirá vossas necessidades conforme sua riqueza em glória, por Cristo Jesus.” (Filipenses 4:19)

O apóstolo Paulo escreve ao pastor da igreja em Filipos, dando-lhe orientações pastorais, visando um pastoreio eficaz. E para nós discípulos de Jesus, temos orientações importantes através de princípios espirituais que nos darão qualidade de vida.

“Regozijai-vos sempre no Senhor; outra vez digo, regozijai- vos. Seja a vossa moderação conhecida de todos os homens. Perto está o Senhor. Não andeis ansiosos por coisa alguma; antes em tudo sejam os vossos pedidos conhecidos diante de Deus pela oração e súplica com ações de graças; e a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus.

Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai. O que também aprendestes, e recebestes, e ouvistes, e vistes em mim, isso praticai; e o Deus de paz será convosco.

Ora, muito me regozijo no Senhor por terdes finalmente renovado o vosso cuidado para comigo; do qual na verdade andáveis lembrados, mas vos faltava oportunidade. Não digo isto por causa de necessidade, porque já aprendi a contentar-me com as circunstâncias em que me encontre.

Sei passar falta, e sei também ter abundância; em toda maneira e em todas as coisas estou experimentado, tanto em ter fartura, como em passar fome; tanto em ter abundância, como em padecer necessidade. Posso todas as coisas naquele que me fortalece.” (Fillipenses 4:4-13)

1) Alegria no Senhor, em qualquer circunstância (v.4): 

Isto denota confiança na justiça do Deus que servimos.

“Meus irmãos, tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações.” (Tiago 1:2)

  • Jesus era mais alegre que seus companheiros: "Amaste a justiça e odiaste a iniqüidade; por isso Deus, o teu Deus, te ungiu com óleo de alegria, mais do que a teus companheiros." (Hebreus 1:9)
  • Ele veio trazer alegria ao invés de tristeza: "O Espírito do Senhor Deus está sobre mim, porque o Senhor me ungiu para pregar boas-novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos presos; a apregoar o ano aceitável do Senhor e o dia da vingança do nosso Deus; a consolar todos os tristes; a ordenar acerca dos que choram em Sião que se lhes dê uma grinalda em vez de cinzas, óleo de gozo em vez de pranto, vestidos de louvor em vez de espírito angustiado; a fim de que se chamem árvores de justiça, plantação do Senhor, para que ele seja glorificado." (Isaías 61:1-3)
  • "O coração alegre é bom remédio, mas o espírito abatido faz secar os ossos." (Provérbios 17:22)

2) Equidade ou Moderação, porque perto está o Senhor (v.5): 

Sabedoria, quem não ama a sabedoria avilta a própria alma.

Em Provérbios capítulo 8 versos do 32 ao 36, diz: 

“Agora, pois, filhos, ouvi-me; porque felizes são os que guardam os meus caminhos. Ouvi a correção, e sede sábios; e não a rejeiteis. Feliz é o homem que me dá ouvidos, velando cada dia às minhas entradas, esperando junto às ombreiras da minha porta. Porque o que me achar achará a vida, e alcançará o favor do Senhor. Mas o que pecar contra mim fará mal à sua própria alma; todos os que me odeiam amam a morte.”

Em Tiago cap. 1 verso 5 diz: “E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus que a todos dá liberalmente e não o lança em rosto; e ser-lhe-á dada.”

Provérbios 2 verso do 1 ao 6 diz para clamar por inteligência e por sabedoria, alçar a voz:

"Filho meu, se aceitares as minhas palavras, e entesourares contigo os meus mandamentos, para fazeres atento à sabedoria o teu ouvido, e para inclinares o teu coração ao entendimento; sim, se clamares por discernimento, e por entendimento alçares a tua voz; se o buscares como a prata e o procurares como a tesouros escondidos; então entenderás o temor do Senhor, e acharás o conhecimento de Deus. Porque o Senhor dá a sabedoria; da sua boca procedem o conhecimento e o entendimento."

3) Desaparecimento da ansiedade (v.6):

Em 1 Pedro cap. 5 verso 7 diz: “Lançando sobre Ele toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós.” Jesus disse em Mateus cap. 6 versos do 25 ao 34, para não nutrirmos a nossa alma com preocupações com o amanhã.

“Por isso vos digo: Não estejais ansiosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer, ou pelo que haveis de beber; nem, quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais  do que o alimento, e o corpo mais do que o vestuário? Olhai para as aves do céu, que não semeiam, nem ceifam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não valeis vós muito mais do que elas? Ora, qual de vós, por mais ansioso que esteja, pode acrescentar um côvado à sua estatura? E pelo que haveis de vestir, por que andais ansiosos?

Olhai para os lírios do campo, como crescem; não trabalham nem fiam; contudo vos digo que nem mesmo Salomão em toda a sua glória se vestiu como um deles. Pois, se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada no forno, quanto mais a vós, homens de pouca fé? Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que havemos de comer? ou: Que havemos de beber? ou: Com que nos havemos de vestir? (Pois a todas estas coisas os gentios procuram.) Porque vosso Pai celestial sabe que precisais de tudo isso. Mas buscai primeiro o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã; porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal.”

4) Florescimento de ações de graças e orações com súplicas (v.6): 

Em 1 Tessalonicenses cap. 5 verso 17 nos diz: “Orai sem cessar.” Isto é, em todo tempo – tudo, cada detalhe de nossa vida deve ser apresentado diante de Deus em oração, em nome de Jesus.

Em 1 Tessalonicenses cap. 5 verso 18 diz: “Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco”.

QUANDO AGRADECEMOS ESTAMOS DEMOSTRANDO CONFIANÇA NA FIDELIDADE DO NOSSO DEUS

5) Santificação do pensamento (v.8): 

Necessário uma mudança radical no padrão de pensamentos.

Em Provérbios cap. 23 verso 7 diz: “Porque, como imagina em sua alma, assim ele é ...”

  • Se pensarmos coisas boas, dignas de louvor, somos abençoados.
  • Se pensarmos em derrotas, perdas, prejuízos, enfermidades, assim será.
  • Se pensarmos em coisas santas, praticaremos atos santos, seremos santos.
  • Se pensarmos coisas profanas, isto praticaremos.
  • Se nutrirmos pensamentos de altivez, nos tornamos soberbos e a Palavra de Deus diz em 1 Pedro cap. 5 verso 5 que “... Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes.”

6) Contentamento real em todas as circunstâncias (v.11 e 12): 

A nossa qualidade de vida não depende das circunstâncias exteriores, mas sim de uma profunda convicção da nossa fé e esperança.

7) Plena confiança no poder de Deus (v.13): 

DEUS É FIEL EM TODOS OS MOMENTOS

  • Josué cap 1 verso 9b diz: “O Senhor teu Deus é contigo por onde quer que andares.”
  • Daniel cap 11 verso 32b diz: “Mas o povo que conhece seu Deus se esforçará e fará proezas.”

8) Retribuição – Paz e suprimento (v.7 e 19): 

HÁ RECOMPENSAS PARA AQUELES QUE CRÊEM 

Quando vivemos pelos princípios espirituais, recebemos a paz (alma) e o suprimento (corpo).

Quando amamos e vivemos os padrões prescritos pela Palavra de Deus, temos garantia de qualidade de vida e certeza da salvação eterna, através da obra expiatória do Messias (Jesus) na cruz do Calvário.

Faça uma aliança com Jesus e terás, pela fé os direitos conquistados por Ele.

 

Número de visualizações 16141

arrow_upward
Pedido de Oração