A Pr√°tica da Verdade

 

A PR√ĀTICA DA VERDADE


‚ÄúBem-aventurados os que t√™m fome e sede de justi√ßa, pois ser√£o satisfeitos.‚ÄĚ (Mateus 5:6)

Quando o Senhor diz no mesmo serm√£o da montanha que devemos buscar em primeiro lugar o Reino de Deus e sua justi√ßa, vemos que o Reino √© o ensino e que a justi√ßa √© a pr√°tica desse ensino, a realiza√ß√£o da vontade em nossos gestos, pensamentos e decis√Ķes.

A sede e a fome são necessidades do homem para a manutenção da vida.

A vida espiritual segue o mesmo curso, sem termos o sinal de alerta da fome e da sede, nossa alma se desvia do Senhor. Precisamos estar sempre famintos e sedentos por ver a realização prática da vontade de Deus em nós.

A fome e a sede nos levam ir em busca de comida e bebida, incansavelmente. Se tivermos a mesma atitude com relação a justiça, viveremos de maneira incansável em busca da satisfação e da provisão espiritual.

Os marinheiros ficam muito tempo expostos ao sol durante suas viagens, assim como os andarilhos nos desertos e, em ambos os casos a sede é menor que a necessidade de água. Espiritualmente, também sentimos menos sede do que a nossa necessidade.

No caso dos marinheiros existe uma pastilha de sal que eles ingerem para causar sede, os beduínos carregam consigo uma bolsa com sal que eles vão colocando na boca para sentir sede, no nosso caso, precisamos de um relacionamento sincero e profundo com Deus que nos faça sentir famintos e sedentos por ver a verdade de Deus em nós.

A √öNICA MANEIRA DE SERMOS SATISFEITOS √Č SE DEUS NOS SACIAR

Agir como Deus espera é sobremaneira difícil e por isso precisamos de sua ajuda e só teremos a Sua ajuda se o buscarmos... e só o buscaremos se tivermos necessidade de fazê-lo.

A HUMILDADE

‚ÄúBem-aventurados os humildes, pois eles receber√£o a terra por heran√ßa.‚ÄĚ (Mateus 5:5)

Humildade sempre foi mal interpretada e muitas vezes equiparada √† pobreza. Humildade nada mais √© do que o reflexo da verdade em nossas vidas. A verdade que nos lembra ‚Äėque somos nada diante de Deus‚Äô.

Ouça alguns homens que descobriram isso:

"Tornou-lhe Abra√£o, dizendo: Eis que agora me atrevi a falar ao Senhor, ainda que sou p√≥ e cinza.‚ÄĚ (G√™nesis 18:27)

"Pelo sopro de Deus são destruídos; pelo vento de sua ira eles perecem." ( Jó 4:9)

"Lembra-te, ó Deus, de que a minha vida não passa de um sopro." (Jó 7:7)

"Lança-me na lama, e sou reduzido a pó e cinza." (Jó 39:19)

"Todos os confins da terra se lembrar√£o e se voltar√£o para o Senhor, e todas as fam√≠lias das na√ß√Ķes se prostrar√£o diante dele, pois do Senhor √© o reino; ele governa as na√ß√Ķes. Todos os ricos da terra se banquetear√£o e o adorar√£o; haver√£o de ajoelhar-se diante dele todos os que descem ao p√≥, cuja vida se esvai." (Salmos 22:27-29)

"Deste aos meus dias o comprimento de um palmo; a duração da minha vida é nada diante de ti. De fato, o homem não passa de um sopro." (Salmos 39:5)

Pois ele sabe do que somos formados; lembra-se de que somos p√≥. (Salmos 103:14) Quando lhes retiras o f√īlego, morrem e voltam ao p√≥. (Salmos 104:29) O homem √© como um sopro; seus dias s√£o como uma sombra passageira. (Salmos 144:4) Quando o esp√≠rito deles se vai, eles voltam ao p√≥; naquele mesmo dia acabam-se os seus planos. (Salmos 146:4) Todos v√£o para o mesmo lugar; vieram todos do p√≥, e ao p√≥ todos retornar√£o. (Eclesiastes 3:20) Pois nada trouxemos para este mundo e dele nada podemos levar. (1 Tim√≥teo 6:7)

"Por isso Deus o exaltou (Jesus) a mais alta posição e lhe deu o nome que está acima de todo nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para a glória de Deus Pai." (Filipenses 2:9-11)

Dentro do coração do homem pode crescer um inimigo que, se alimentado pode se transformar na causa de sua derrota: O ORGULHO.

O ORGULHO INICIA NOSSA DERROTA 

Entretanto, depois que Uzias se tornou poderoso, o seu orgulho provocou a sua queda. Ele foi infiel ao SENHOR, o seu Deus:

"Mas, quando ele se havia tornado poderoso, o seu cora√ß√£o se exaltou de modo que se corrompeu, e cometeu transgress√Ķes contra o Senhor, seu Deus; pois entrou no templo do Senhor para queimar incenso no altar do incenso.Mas o sacerdote Azarias entrou ap√≥s ele, com oitenta sacerdotes do Senhor, homens valorosos, e se opuseram ao rei Uzias, dizendo-lhe: A ti, Uzias, n√£o compete queimar incenso perante o Senhor, mas aos sacerdotes, filhos de Ar√£o, que foram consagrados para queimarem incenso. Sai do santu√°rio, pois cometeste uma transgress√£o; e n√£o ser√° isto para honra tua da parte do Senhor Deus. Ent√£o Uzias se indignou; e tinha na m√£o um incens√°rio para queimar incenso. Indignando-se ele, pois, contra os sacerdotes, nasceu-lhe a lepra na testa, perante os sacerdotes, na casa do Senhor, junto ao altar do incenso. Ent√£o o sumo sacerdote Azarias olhou para ele, como tamb√©m todos os sacerdotes, e eis que j√° estava leproso na sua testa. E apressuradamente o lan√ßaram fora, e ele mesmo se apressou a sair, porque o Senhor o ferira." (2 Cr√īnicas 26:16-20)

"Quando vem o orgulho, chega a desgraça, mas a sabedoria está com os humildes." (Provérbios 11:2)

"O orgulho vem antes da destruição; o espírito altivo, antes da queda." (Provérbios 16:18)

O ORGULHO IMPEDE QUE SITUA√á√ēES SEJAM RESOLVIDAS

"Ent√£o Ezequias humilhou-se, reconhecendo o seu orgulho, como tamb√©m o povo de Jerusal√©m; por isso a ira do SENHOR n√£o veio sobre eles durante o reinado de Ezequias." (2 Cr√īnicas 32:36)

O ORGULHO TRAZ HUMILHAÇÃO

"O orgulho do homem o humilha, mas o de espírito humilde obtém honra." (Provérbios 29:23)

O ORGULHO GERA ENGANO

"O orgulho de seu cora√ß√£o o enganou, a voc√™, que vive nas fendas das rochas, que ocupa os altos das colinas. Ainda que voc√™, como a √°guia, fa√ßa o seu ninho nas alturas, de l√° eu o derrubarei‚ÄĚ, declara o Senhor." (Jeremias 49:16)

H√° uma promessa para os que s√£o sinceros em atitudes e humildes em seu cora√ß√£o. Jesus disse: ‚Äėeles receber√£o a terra por heran√ßa‚Äô. Somos o alvo dessa promessa, a de herdar a terra quando da constitui√ß√£o do Reino de Deus na terra durante o mil√™nio.

A verdade nos leva longe e a soberba marca nossa derrocada.

Devemos escolher a humildade e aguardar a recompensa daquele que realmente é poderoso para reinar sobre todas as coisas.

 



www.casadosenhor.com.br
Salvar em PDF
Compartilhar

Estudos Bíblicos. Rádio Web Nova Vida - Bíblia Online

Minist√©rio Internacional Casa do Senhor. © 2003-2018 Todos os direitos reservados. ®