Ele Nos Libertou Do Império Das Trevas

 

ELE NOS LIBERTOU DO IMP√ČRIO DAS TREVAS

 

"Dando gra√ßas ao Pai que nos fez id√īneos para participar da heran√ßa dos santos na luz; o qual nos tirou da potestade das trevas, e nos transportou para o reino do Filho do seu amor; em quem temos a reden√ß√£o pelo seu sangue, a saber, a remiss√£o dos pecados." (Colossenses 1:12-14)

A aparente e temporária derrota dos crentes é o produto do desconhecimento da posição em Cristo Jesus

1. Antes de Cristo:

a) Satan√°s acusava os filhos de Deus diante de Jeov√°.

"E num dia em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o SENHOR, veio também Satanás entre eles." (Jó 1:6)

"E disse o SENHOR a Satanás: Eis que tudo quanto ele tem está na tua mão; somente contra ele não estendas a tua mão. E Satanás saiu da presença do SENHOR." (Jó 1:12)

b) Seguíamos a corrente deste mundo.

"Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência." (Efésios 2:2)

2. Depois de Cristo:

a) Despojou principados e potestades e triunfou sobre eles.

"Havendo riscado a c√©dula que era contra n√≥s nas suas ordenan√ßas, a qual de alguma maneira nos era contr√°ria, e a tirou do meio de n√≥s, cravando-a na cruz. E, despojando os principados e potestades, os exp√īs publicamente e deles triunfou em si mesmo." (Colossenses 2:14-15)

b) Destruiu o que tinha poder da morte.

"E, visto como os filhos participam da carne e do sangue, também ele participou das mesmas coisas, para que pela morte aniquilasse o que tinha o império da morte, isto é, o diabo." (Hebreus 2:14)

c) Foi expulso o acusador dos irm√£os.

"E ouvi uma grande voz no céu, que dizia: Agora é chegada a salvação, e a força, e o reino do nosso Deus, e o poder do seu Cristo; porque já o acusador de nossos irmãos é derrubado, o qual diante do nosso Deus os acusava de dia e de noite." (Apocalipse 12:10)

d) Tem guardado em trevas e algemas para o juízo final.

"Porque, se Deus não perdoou aos anjos que pecaram, mas, havendo-os lançado no inferno, os entregou às cadeias da escuridão, ficando reservados para o juízo." (2 Pedro 2:4)

"E aos anjos que n√£o guardaram o seu principado, mas deixaram a sua pr√≥pria habita√ß√£o, reservou na escurid√£o e em pris√Ķes eternas at√© ao ju√≠zo daquele grande dia." (Judas 6)

PODER√Ā UM CRENTE SER POSSU√ćDO POR DEM√ĒNIOS SE O ESP√ćRITO SANTO EST√Ā NELE?

a) Deus guarda e o maligno n√£o toca.

"Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não peca; mas o que de Deus é gerado conserva-se a si mesmo, e o maligno não lhe toca." (1 João 5:18)

b) Já nos libertou do império das trevas.

"Dando gra√ßas ao Pai que nos fez id√īneos para participar da heran√ßa dos santos na luz; o qual nos tirou da potestade das trevas, e nos transportou para o reino do Filho do seu amor; em quem temos a reden√ß√£o pelo seu sangue, a saber, a remiss√£o dos pecados." (Colossenses 1:12-14)

c) O valente bem armado tem os seus em segurança.

"Quando o valente guarda, armado, a sua casa, em segurança está tudo quanto tem." (Lucas 11:21)

O vers√≠culo: "E estes sinais seguir√£o aos que crerem: Em meu nome expulsar√£o os dem√īnios ..." s√≥ se aplica para pessoas que n√£o tem o Esp√≠rito Santo.

a) O espírito imundo sai do homem.

"E, quando o esp√≠rito imundo tem sa√≠do do homem, anda por lugares √°ridos, buscando repouso, e n√£o o encontra. Ent√£o diz: Voltarei para a minha casa, de onde sa√≠. E, voltando, acha-a desocupada, varrida e adornada. Ent√£o vai, e leva consigo outros sete esp√≠ritos piores do que ele e, entrando, habitam ali; e s√£o os √ļltimos atos desse homem piores do que os primeiros. Assim acontecer√° tamb√©m a esta gera√ß√£o m√°." (Mateus 12:43-45)

b) O endemoninhado Gadareno.

"E navegaram para a terra dos gadarenos, que est√° defronte da Galil√©ia. E, quando desceu para terra, saiu-lhe ao encontro, vindo da cidade, um homem que desde muito tempo estava possesso de dem√īnios, e n√£o andava vestido, nem habitava em qualquer casa, mas nos sepulcros. E, quando viu a Jesus, prostrou-se diante dele, exclamando, e dizendo com grande voz: Que tenho eu contigo, Jesus, Filho do Deus Alt√≠ssimo? Pe√ßo-te que n√£o me atormentes. Porque tinha ordenado ao esp√≠rito imundo que sa√≠sse daquele homem; pois j√° havia muito tempo que o arrebatava. E guardavam-no preso, com grilh√Ķes e cadeias; mas, quebrando as pris√Ķes, era impelido pelo dem√īnio para os desertos.

E perguntou-lhe Jesus, dizendo: Qual √© o teu nome? E ele disse: Legi√£o; porque tinham entrado nele muitos dem√īnios.

E rogavam-lhe que os n√£o mandasse para o abismo. E andava ali pastando no monte uma vara de muitos porcos; e rogaram-lhe que lhes concedesse entrar neles; e concedeu-lho. E, tendo sa√≠do os dem√īnios do homem, entraram nos porcos, e a manada precipitou-se de um despenhadeiro no lago, e afogou-se. E aqueles que os guardavam, vendo o que acontecera, fugiram, e foram anunci√°-lo na cidade e nos campos.

E sa√≠ram a ver o que tinha acontecido, e vieram ter com Jesus. Acharam ent√£o o homem, de quem haviam sa√≠do os dem√īnios, vestido, e em seu ju√≠zo, assentado aos p√©s de Jesus; e temeram. E os que tinham visto contaram-lhes tamb√©m como fora salvo aquele endemoninhado. E toda a multid√£o da terra dos gadarenos ao redor lhe rogou que se retirasse deles; porque estavam possu√≠dos de grande temor. E entrando ele no barco, voltou.

E aquele homem, de quem haviam sa√≠do os dem√īnios, rogou-lhe que o deixasse estar com ele; mas Jesus o despediu, dizendo: Torna para tua casa, e conta qu√£o grandes coisas te fez Deus. E ele foi apregoando por toda a cidade qu√£o grandes coisas Jesus lhe tinha feito." (Lucas 8:26-39)

c) A moça que tinha espírito de adivinhação.

"E aconteceu que, indo nós à oração, nos saiu ao encontro uma jovem, que tinha espírito de adivinhação, a qual, adivinhando, dava grande lucro aos seus senhores. Esta, seguindo a Paulo e a nós, clamava, dizendo: Estes homens, que nos anunciam o caminho da salvação, são servos do Deus Altíssimo. E isto fez ela por muitos dias. Mas Paulo, perturbado, voltou-se e disse ao espírito: Em nome de Jesus Cristo, te mando que saias dela. E na mesma hora saiu." (Atos 16:16-18)

Se Cristo já nos libertou das potestades do diabo, então qual é a luta, a batalha que o crente tem diariamente e em todo o lugar?

Cada um é tentado por sua própria concupiscência e cobiça: "Ninguém, sendo tentado, diga: De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta. Mas cada um é tentado, quando atraído e engodado pela sua própria concupiscência."(Tiago 1:13-14) As guerras e contendas são dos prazeres da carne: "De onde vêm as guerras e pelejas entre vós? Porventura não vêm disto, a saber, dos vossos deleites, que nos vossos membros guerreiam?" (Tiago 4:1) Fazei morrer a natureza terrena: "Mortificai, pois, os vossos membros, que estão sobre a terra: a prostituição, a impureza, a afeição desordenada, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria." (Colossenses 3:5)

PAULO REDUZIA O CORPO À ESCRAVIDÃO

"Não sabeis vós que os que correm no estádio, todos, na verdade, correm, mas um só leva o prêmio? Correi de tal maneira que o alcanceis. E todo aquele que luta de tudo se abstém; eles o fazem para alcançar uma coroa corruptível; nós, porém, uma incorruptível. Pois eu assim corro, não como a coisa incerta; assim combato, não como batendo no ar. Antes subjugo o meu corpo, e o reduzo à servidão, para que, pregando aos outros, eu mesmo não venha de alguma maneira a ficar reprovado." (1 Coríntios 9:24-27)

O ESPINHO DA CARNE DE PAULO ERA A LEI DO PECADO

"Em verdade que n√£o conv√©m gloriar-me; mas passarei √†s vis√Ķes e revela√ß√Ķes do Senhor." (2 Cor√≠ntios 12:1)

"Porque, se quiser gloriar-me, n√£o serei n√©scio, porque direi a verdade; mas deixo isto, para que ningu√©m cuide de mim mais do que em mim v√™ ou de mim ouve. E, para que n√£o me exaltasse pela excel√™ncia das revela√ß√Ķes, foi-me dado um espinho na carne, a saber, um mensageiro de Satan√°s para me esbofetear, a fim de n√£o me exaltar." (2 Cor√≠ntios 12:6-7)

N√ÉO IGNOREMOS AS MAQUINA√á√ēES DE SATAN√ĀS

"... Para que não sejamos vencidos por Satanás; porque não ignoramos os seus ardis." (2 Coríntios 2:10-11)

VERS√ćCULOS MAL INTERPRETADOS PELA RELIGI√ÉO

"No demais, irm√£os meus, fortalecei-vos no Senhor e na for√ßa do seu poder." (Ef√©sios 6:10) "Tomando sobretudo o escudo da f√©, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno." (Ef√©sios 6:16) "Humilhai-vos, pois, debaixo da potente m√£o de Deus, para que a seu tempo vos exalte." (1 Pedro 5:6) "Ao qual resisti firmes na f√©, sabendo que as mesmas afli√ß√Ķes se cumprem entre os vossos irm√£os no mundo." (1 Pedro 5:9) "Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugir√° de v√≥s." (Tiago 4:7)

 



www.casadosenhor.com.br
Salvar em PDF
Compartilhar

Estudos Bíblicos. Rádio Web Nova Vida - Bíblia Online

Minist√©rio Internacional Casa do Senhor. © 2003-2018 Todos os direitos reservados. ®